Dar seta em todas as conversões e para mudar de faixa: 1º Mandamento – Maio Amarelo

seta
Muitas vezes o motorista vem andando numa rua com pouco movimento, olha e não vem ninguém atrás, então relaxa na segurança: acaba não dando a seta para fazer a conversão, à direita ou à esquerda.

Está errado. A seta tem que ser acionada em qualquer situação de mudança de faixa, porque ela não é um aviso só para quem vem atrás. Com a seta você indica qual vai ser a sua manobra: ao motorista que vem em sentido contrário, ao que está na rua perpendicular à sua, ao ciclista, ao pedestre, a todo mundo.

E precisa usar a seta sempre que você for mudar de faixa. Na ruazinha de bairro ou na rodovia. Em qualquer situação.

Aqui vai um aviso especialmente aos motociclistas: quando você perceber uma seta ligada, diminua a velocidade para deixar o carro entrar na outra pista, em vez de buzinar.

O motociclista também deve sinalizar a mudança de faixa: o que poucos fazem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todo o conteúdo deste site é propriedade da Autoinforme - Agências de Informação do Automóvel S/C LTDA
É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio.
Para obter autorização da reprodução do conteúdo LIGUE para (11) 5535-6294 | Email:autoinforme@autoinforme.com.br